Governo de SP retira obrigatoriedade do uso de máscara em igrejas

Governo de SP anuncia a flexibilização das máscaras em todos os ambientes

Governo de SP retira obrigatoriedade do uso de máscara em igrejas

O governador afirmou que tomou a decisão após orientação do comitê científico.

O governador de São Paulo João Doria (PSDB) assinou o decreto que encerra a obrigatoriedade do uso de máscara em locais fechados, após 679 dias desde o início da medida. A regra está valendo quinta-feira (17).

O uso de máscaras seguirá obrigatório apenas em locais destinados à prestação de serviços de saúde e no transporte público. A máscara torna-se opcional para os outros ambientes como escolas, comércio e igrejas.

Em nota divulgada à imprensa, o governador afirmou que tomou a decisão após orientação do comitê científico.

“Recebi hoje à tarde uma nota técnica do Comitê Científico que demonstra uma melhora consistente na situação epidemiológica no Estado. Por isso decidi, com respaldo desses cientistas e médicos, abolir imediatamente a obrigatoriedade do uso de máscara em todos os ambientes, com exceção de unidades de saúde, hospitais e transporte público”, disse Doria.

A nota técnica do comitê afirma que, 14 dias após o carnaval, “constatou-se manutenção do padrão de melhora progressiva dos indicadores epidemiológicos, conforme observado durante as semanas que antecederam aludido feriado, indicando que a transmissão do Sars-Cov-2 no Estado de São Paulo segue em redução progressiva.”

O uso obrigatório de máscara de proteção contra o coronavírus começou no transporte público na Grande São Paulo, no dia 4 de maio de 2020.

Três dias depois, no dia 7 de maio, passou a ser obrigatório em todo o estado nas ruas, locais públicos, estabelecimentos, repartições públicas estaduais e no transporte por aplicativo.

A obrigatoriedade do uso de máscara em locais abertos já havia sido retirada no dia 9 de março no estado paulistano. De acordo com dados do g1, pelo menos 16 capitais no Brasil aboliram a exigência ou já marcaram uma data para retirar a obrigatoriedade do uso do item de proteção em espaços abertos.

Entre as 16 cidades, seis também acabaram com o uso obrigatório em espaços fechados: Rio de Janeiro, Maceió, Natal, Brasília e São Paulo.

Veja também

O cantora gospel Amanda Wanessa recebe alta hospitalar

O cantora gospel Amanda Wanessa recebe alta hospitalar em Recife 642 dias após acidente de carro

Amanda Wanessa recebe alta hospitalar em Recife 642 dias após acidente de carro. O cantor …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.